Páginas

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

A figura da quarta figura

Sol:
A «convite» do Conselho Superior da Magistratura, o Supremo Tribunal de Justiça (STJ) tem «temporariamente suspenso» do seu site na internet um discurso do presidente, Noronha Nascimento, proferido num colóquio sobre Justiça e Comunicação. Na intervenção, Noronha defendeu a urgente regulamentação da Comunicação Social e dava exemplos de mau jornalismo – entre os quais alguns factos que imputa a José Manuel Fernandes, ex-director do Público, num processo cível que lhe moveu, em que pede uma indemnização de 150 mil euros, que está em recurso no STJ.

O jornalista fez uma queixa ao Conselho, em que acusou Noronha de um comportamento «absolutamente impróprio» e de usar o site do STJ para o «denegrir» e «alegar» publicamente num processo ainda pendente, ainda por cima num órgão a que preside. E lembrava que, na acção, Noronha não conseguiu provar os factos que referiu no discurso.

Noronha Nascimento encabeça a quarta figura do Estado, depois do PR. e do presidente da A.R. e ainda do chefe do executivo .( Tinha escrito a terceira, mas afinal assume a quarta e protocolo é protocolo)

A figura que a quarta figura fez, neste caso, foi tão apropriada que até os conselheiros do CSM e o STJ, organismos colectivos presididos por essa figura, entenderam por bem censurá-la. Literal e figuradamente.

Como o caso é inédito, inédita deveria ser a atitude da quarta figura: deixar de o ser e de fazer esta figura.

4 comentários:

hajapachorra disse...

Este Dinossauro Excelentíssimo sabe que pior que a flata de neurónios e de vértebras é a inexistência de prendas masculinas. Daí o avental, recurso de frouxos, disse-o o insuspeitíssimo João Soares.

Eduardo F. disse...

O que é tristíssimo é que tenha chegado onde chegou.

Floribundus disse...

sempre em 'bicos dos pés'.
devia usar sapatos de bailado.

'Paris é uma festa'

Cosmo disse...

A figura da quarta figura...

Figuro
Figurão
Figurinha
Figurante
Figurino
Figurilha
Figuraça
Figural
Figurativo