Páginas

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Leite derramado

RR:

O Pingo Doce tem nas suas lojas uma promoção que consiste na oferta de uma embalagem de leite meio gordo de marca própria na compra de outra, considerando a cadeia que esta "promoção não tem qualquer efeito de prejuízo para os fornecedores".

"No âmbito de uma acção nacional de fiscalização levada a cabo pela ASAE, foram levantados dois autos de apreensão de embalagens de leite meio gordo de marca própria em duas lojas da nossa cadeia", lê-se no comunicado hoje emitido pelo Pingo Doce.

Note-se: a operação da ASAE que tem muita queda para estes espalhafatos, com o senhor Nunes que é da Maçonaria ( se não fosse provavelmente não era o que é nem estaria na ASAE nem em porra alguma de direcção geral, certamente), foi direccionada para o Pingo Doce mas também o Continente.
O Continente calou-se bem caladinho não metendo prego nem estopa em mais esta estopada da ASAE. O Pinto Doce já anda em comunicados e tarda nada o senhor Elísio Alexandre Soares dos Santos vai outra vez à tv se calhar clamar por uma cabala.

O Pingo Doce não precisa deste ar de calimero para ser o que é: o melhor supermercado do país. Aguente, fique quieto caladinho e direitinho e aja duas vezes antes de pensar, como diria Chico Buarque.

O Pingo Doce é o melhor supermercado do país porque é no Pingo Doce que há melhor peixe, em oferta imbatível se comparada com a concorrência. Melhor, só nas lotas e nem em todas.
Por outro lado, o Pingo Doce é o melhor supermercado em carne para consumo caseiro. Carne de vaca, de porco e outras. A de vaca, particularmente o bife é do melhor que se pode encontrar em qualquer parte do mundo, vem embalada com indicações perfeitas e com diversas proveniências, mesmo portuguesas, ( porque a Irlanda tem muito peso nesse sector do Pingo Doce). Tem agora um produto próprio, o "porco preto", que é um espanto de qualidade. Qual Continente, qual El Corte Inglès gourmet ou qual Intermarché ou L´Éclerc! O Pingo Doce é que é e digo-o com o mesmo à vontade que critiquei aqui a falta de patriotismo de Soares dos Santos em abalar para a Holanda.
Portanto, há dois sectores em que o Pingo Doce é o melhor: na carne e no peixe. Exemplar. Deixe por isso a ASAE do senhor Nunes andar por aí a espalhafatar que, como dizia alguém, o karma do senhor Nunes um dia cai-lhe em cima.

24 comentários:

Karocha disse...

José
Tem um picante óptimo!

zazie disse...

É verdade, José. O Pingo Doce tem carne e peixe excelentes.

bruno disse...

O melhor supermercado de Portugal e arredores é o Apolónia , no Algarve, sem comparação alguma....obviamente no Algarve.

Wegie disse...

Porra José!!! Também passaste aos quadros de pessoal do Pingo Doce?? Eu também poderia aqui dizer que o melhor gelado, de longe, é do Lidl! Mas penso que tomando tudo em consideração pela variedade/qualidade de produtos o Jumbo é o melhor. Ganha juízo!!!

josé disse...

Em carne e peixe, o Jumbo? Nem de perto nem de longe.

josé disse...

A minha opinião sobre o Pingo Doce é da experiência: faço muitas vezes compras lá e noutros sítios e sei. Procuro saber e comparar. E o Pingo Doce é mesmo superior, a meu ver, porque é regular e mantém uma qualidade superior à média.

Wegie disse...

Na globalidade. A carne e o peixe devem ser adquiridos em sítios da especialidade. Por exemplo eu compro o peixe à saída da rede da companha. Ainda vivo...

josé disse...

No início dos anos noventa, apareceu em Gaia o Carrefour, com produtos de importação francesa. Durou uns meses porque certos queijos e produtos variados acabaram por desaparecer.
No Continente há uns anos podia comprar-se lá manteiga de amendoim americana, genuína. Acabou.
Hoje quem quiser comprar água engarrafada Perrier,de origem, tem de ir ao L´Éclerc porque o Continente vende essa água engarrafada cá.

Até há meia dúzia de anos conseguir um bom bife com sabor antigo era preciso ter sorte e procurar bem. Hoje em dia, o Pingo Doce tem sempre disso.
Há cerca de dez anos, em França, comi um bife que eles chamam rumsteck, da vazia. O sabor lembrou-me o de há muitos anos por cá.

Hoje em dia é possível comprar tal carne igual, no Pingo Doce e produto nacional.
Há uns anos o COntinente importava carne da Argentina, embalada em vácuo. Durou pouco tempo, porque se calhar não compensava.

josé disse...

O peixe do Pingo Doce tem fornecedores dedicados e julgo que a empresa é muito exigente com esses fornecedores. Imagino as condições leoninas que lhes impõem...mas vale a pena o consumidor comprar lá.

Claro que comprar directamente ao pescador é outra coisa.

josé disse...

Um dos aspectos mais positivos da nossa entrada na UE foi essa mudança de hábitos no consumo. Foi uma melhoria muito significativa.

No Pingo Doce onde costume comprar, já vi alguns donos de restaurante, muito cedo ( logo pelas 9 horas, na abertura) a fornecerem-se na peixaria. É porque compensa e o produto é bom.

Wegie disse...

O Pingo-Doce tem carne de vitela de Arouca? Aposto que não...

josé disse...

Não sei, talvez não. A carne que tem é de vários sítios com predominância alentejana, julgo.
Mas...quem tem? O Jumbo?

josé disse...

Por exemplo a carne de porco do Pingo Doce é industrial, como é normal.

Quando quero um cozido como deve ser compro no mercado local a pessoas que a produzem ainda por métodos artesanais. Nem tem comparação, claro está.

Ainda assim, a carne de porco preto que o Pingo Doce comercializa agora é muito boa no meu entender.

Karocha disse...

José e Wegie

Já que estão numa de culinária, o picante senhores com jindumgo, uma maravilha!!!

Wegie disse...

Karocha,

O verdadeiro apreciador de bifes apenas os tempera com um pouco de sal.

josé disse...

Exactamente. E grelha-os.

Wegie disse...

Exacto!!

Karocha disse...

Eu gosto dos bifes mal passados, também não ponho picante!

zazie disse...

E limão, não usam?

Eu boto sempre limão nos grelhados.

Cá não posso que chamam a polícia. Mas grelhamos na varanda de Hampstead onde não há ASAE.

josé disse...

Aqui chamam a polícia porquê? Por causa dos cheiros?
Então esta gente mais urbana não aprecia um bom aroma a peixe na grelha? São do tempo dos "pides na grelha"...( título de uma revista de 74)

Karocha disse...

Limão não, não posso :-(

zazie disse...

Chamam, pois. E vivo num bairro tradicional. Mas vieram para cá uns idiotas armados em betos e agora chateiam assim.

Carlos disse...

Wegie,

Queria vitela de Arouca num hiper?
Há coisas que só no locais e ainda bem. Aproveite e vá passear até Alvarenga, coma a boa vitela no Mota, visite o museu de arte-sacra do Mosteiro, as pedras parideiras, queda da mijarela e no regresso a Lisboa, não se esqueça das castanhas doces conventuais.

Bom proveito.

Wegie disse...

A vitela de Arouca é a melhor do mundo! Devia ser internacionalizada tal como os pastéis de nata do palermóide...