Páginas

segunda-feira, 1 de julho de 2013

Vítor Gaspar saiu do Governo: não cortou na despesa como devia...

Imagens do Correio da Manhã de hoje.

11 comentários:

Floribundus disse...

na altura da partida para férias esta foi a pior partida que se podia fazer ao rectângulo e a melhor para o cds

as portas ficam escancaradas para a desgraça
portas fechadas
portas das traseiras
portas travessas

Gaspar foste insultado da maneira mais infame. boa sorte.
nós ficamos entregues aos vermes

zazie disse...

Mau, muito mau sinal.

zazie disse...

Se este, que era o homem de confiança da Troika, sai, estamos mesmo tramados.

Luis disse...

Ainda há poucos dias os comentadores do regime afirmavam que VG não era remodelável porque era imprescindível para a resolução da crise e único com credibilidade junto aos credores. Sim, ele era aquele que defendia os interesses dos credores e garantia que os portugueses penavam para que os credores não deixassem de receber aquilo que tinham tramado mais uns políticos domésticos nas PPP e swaps. Esses tenebrosos funcionários da administração pública pagarão a crise porque, afinal, ganham que nem milionários. Não acreditam? Então não sabem que os administradores de EP e de IP são considerados funcionários da AP? De repente, afinal VG sempre pode ser substituído por "perita" em contratos swaps. Podemos descansar porque este país vai cumprir as obrigações, repartindo o território pelos credores que nos tramaram; isso PPC lhes vai garantir. E, vendo bem, até temos umas ilhas bem giras e não faltará quem as queira licitar. VG mais tarde, como comissário europeu ,lá estará para continuar a defender os interesses ... deles, pois é por isso que sai agora.

Floribundus disse...

tal como Luís xvi também o anterior perdeu a dele em qualquer lado
'o nº de parvos é infinito' e para todos os gostos

podem ler a carta de despedida de VG no '5 dias'

o cds vai ficar com a batata a escaldar para mais facilmente perder-mos a pele

naoseiquenome usar disse...

Relativamente ao post: o que se pode criticar num amante e proprietário de Aston Martin (em segunda mão?) de 2006, se o que ususfriu é exactamente o mesmo que seria se usasse "carro de serviço"?

Quanto a VG, uiiii, pelos vistos a prisão de meses no governo. A carta de demissão é um hino à falta de coesão do governo e de falta de liderança de PPC.

hajapachorra disse...

Bem, o homem tem categoria, reconheceu que falhou em toda a linha. Não há solução interna com pêemes socretinos, do calibre do socretino-mor, do passos ou do tózero. Gaspar acabou por onde devia ter começado. Muito mau este louçã.

, disse...

O país do sebastianismo e dos insubstituíveis
.

, disse...

O país do sebastianismo e dos insubstituíveis
.

Kaiser Soze disse...

Não lhe sentirei a falta e poderia ser um momento de inversão ou pelo menos de tentativa de inversão...mas os gajos já fizeram questão de mostrar que não ao nomear a Sra. Swaps (sendo certo que me incomoda mais que ela tenha, aparentemente, mentido no Parlamento).

O que tenho achado graça é que andam, agora, a sair de baixo das pedras os sebastianistas que viram (ou viram ou vêm agora) em Gaspar a reencarnação do Rei perdido.

zazie disse...

De facto é um louçã e isso é mau. É um louçã do neotontismo à Friedman, e o primo do marxismo.

As ideologias são tramadas.

As nossas são todas importadas pela Amazon.