Páginas

quarta-feira, 8 de abril de 2015

Ontem, um programa da RTP1 que foi um frete. Mais um.

O programa da RTP1, 5 para a meia-noite, agora recomeçado, costuma ver-se bem, quando calha.

Ontem, o convidado era o advogado Araújo e o convite terá partido do animador, um tal Zé Pedro Vasconcelos, aparentemente muito dado às artes teatrais e publicitárias.

Começou a entrevista com uma rábula acerca do filósofo Sócrates para chegar logo ao verdadeiro assunto da causa.
Durante toda a breve entrevista ao advogado Araújo o tema foi o actual recluso 44 que, coitado, está inocente e a justiça está uma lástima e até há medo em Portugal e o juiz único é um problema sério "não é?" e isto nunca mais acaba "pois não?" e temos este problema em Portugal em que um antigo primeiro-ministro está preso e não se sabe de quê , " isto não é estranho?" e afinal os juízes é que deveriam mandar nos tribunais, sózinhos porque esse é o principal problema da justiça e o antigo primeiro-ministro não se defende e quem acusa tem que provar e afinal ainda não há provas " o que é terrível, não é?" e isso é mesmo terrível porque o zé pedro foi ali fazer um frete ao antigo primeiro-ministro e entourage que aparentemente frequenta ou é das suas amizades políticas ou de interesses difusos. E  se não é, parece, sendo certo que em política assim é porque foi o que esteve ali a fazer o tempo todo. Quem lhe paga é o erário público e por isso isenção precisa-se. Se quiser rabular a favor de alguém que vá para o teatro! E quem pagar bilhete que lha bata palmas.

Este programa com o tal Zé Pedro que  se ri muito com aquele ar de bico-de-pato,  foi um nojo. Mais um. Para fretes destes já basta a SIC e a TVI. Juntar a RTP ao lote é preparar o futuro que pode muito bem sair furado...
O cardápio das tv´s, ontem e antes das doses maciças de futebol falado, congregou o fradique Louçã, a fraldiqueira Catarina Martins, o supino Silva que sabe de sarjetas como poucos e quejandos comentadores que todos os dias se repetem na azáfama de atacar quem está no governo para poderem vir a estar. A estação mais empenhada na tarefa é a da Lourença mas as demais estão apostadas em lhe pedir meças. 

6 comentários:

Galactus disse...

Tentei ver agora, mas desisti. Não aguentei nem 2 minutos daquela bosta.

Floribundus disse...

'não é por muito madrugar que amanhece mais cedo'

I. B. disse...

Aqui há tempos engraxou as babouches ao xeque Munir que até meteu nojo...

A propósito:

CONTRA A CONSTRUÇÃO DE UMA NOVA MESQUITA EM LISBOA!

http://peticaopublica.com/psign.aspx?pi=PT76702

José disse...

E riu-se com aquele ar patafísico e ondulante?

Floribundus disse...

o 44 tornou-se um produto invendável por mais que a propagando deite pregões, mesmo que sejam pagos ou a pagar num futuro próximo

inoportunos em altura de eleições

a sarjeta comporta toda a espécie de lixo

foca disse...

felizmente não vejo essa trampa
programas com sopeiras convencidas é pior que ver o gordo da tarde a ver quem acerta nos preços dos electrodomésticos