Páginas

quinta-feira, 18 de junho de 2015

Esquerda über alles

Na SICN, agora mesmo (22:45) a dona Lourenço convidou um advogado de firma, Eduardo Paz Ferreira para comentar coisas da Grécia e arredores.
O dito causídico que ensina direito acaba de dizer que a Hungria é um país com um regime fascista ( "não tenhamos medo de o dizer"...).

Estes indivíduos nunca diriam o mesmo de uma Cuba ou de uma URSS ou da Rússia actual. Portanto, o regime húngaro é fassista. Porque sim e por uma razão suplementar que explicou: está a construir um muro de quase duzentos quilómetros para impedir que os sérvios emigrem para lá...

É assim que a dona Lourenço assegura a pluralidde informativa no canal do senhor Francisquinho Balsemão. E imediatamente a seguir temos o "dr. Francisco Louçã", em directo da Grécia...

6 comentários:

Floribundus disse...

Joseph Haydn - Deutschland Über Alles

Na escaqueirada Alemanha Oriental usava-se a canção
"Auferstanden aus Ruinen (Reerguidos das ruínas)"
só por gozo

quanto a Grécia está na
'hora di bai'

João José Horta Nobre disse...

Caro José,

Ainda bem que vejo que temos a mesmo opinião sobre o que se passa hoje em dia nos merdi@ tugas.

Não há limites para a canalhice desta gente!

muja disse...

Não dizem da Rússia actual porque os americanos se adiantaram ou porque ainda pensam que é a União Soviética ressuscitada, ou os dois.

Na realidade, duvido que haja país mais profundamente anti-comunista que a Rússia actual. Não como os países do ex-bloco, que odeiam o comunismo pela subjugação a que este o impôs através dos soviéticos, mas um anti-comunismo de facto, na prática. Uma política nacional - quase nacionalista se o não é mesmo; protecção da família tradicional e medidas promotoras do crescimento demográfico; redesenvolvimento industrial, económico e académico e militar; afirmação dos valores e do valor da religião cristã sem obstar às minorias islâmicas e judaicas.

muja disse...

Portanto, se não lhe chamam fascista, para breve está.

José Lima disse...

À URSS não chamariam fascista; à Rússia de Putin, se ainda não o fizeram (e eu creio que sim), provavelmente fá-lo-ão em breve.

http://www.diplomaatia.ee/en/article/former-kremlin-official-putins-russia-moving-towards-salazars-portugal/

foca disse...

Esse Louçã e a filha de assassino que o precedeu na AR são uma coisa estranha na Academia.
Dizem que são de ciência, catedráticos e tal (ele, que ela ainda não é mas já tem o lugar reservado), fazem muito trabalho "cientifico" (ele chegou a dizer que o Cavaco não tinha prestigio pois publicava pouco!!) e conseguem driblar o fundamento base da teoria cientifica (hipótese, teste, confirmação/não confirmação), e andar décadas a dar como verdadeiras hipóteses que nunca deram resultado.

Agora são os crentes do Siryza, que fazer vergar os credores (ou seja, não pagar o dinheiro que pediram emprestado para gastar a seu belo prazer!) com a chantagem de não pagar os restantes 50% (uma vez que os outros já foram "perdoados").
Obviamente a seguir vão conseguir ser financiados!!
A estupidez é tanta que dói.