Páginas

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Cabras, cabritos, mentirosos, aldrabões e criminosos.

Quando José Sócrates começou a ser notícia pelos gastos relativamente extravagantes para o que dizia ganhar,  os seus súbditos mentais do género lello afiançavam que tudo provinha de uma fabulosa herança familiar que justificava todas as riquezas aparentes e ocultas. A mãe, afinal,  era a origem dessa riqueza inexplicável

Nada mais falso, como revela o Sol de hoje.

O que espanta neste simples caso de polícia é um certo PS ( Almeida Santos à cabeça, com Mário Soares já sem cabeça) continuar a aposta que a "perseguição é injusta" e que José Sócrates é inocente, associando o caso a um assunto de política que levam a peito como levaram o caso Casa Pia.

Lamentável. Trágico.

19 comentários:

Ricciardi disse...

A notícia não tem lógica. Por um lado a mãe só tinha tres imoveis registados de valor tributário baixinho. Logo a seguir a notícia diz que a mãe vendeu outros três imóveis (que não aqueles) ao amigo do 44.
.
Não se percebe. Vendeu apartamentos que não estavam registados nas finanças? Se assim foi o património da senhora não era apenas 3 imóveis. Eram 6 imóveis. O facto de nas finanças não estar registado o último dono é irrelevante. A senhora tinha 6 imóveis no registo predial dos quais só 3 estavam directamente no seu nome nos registos das financas.
.
Por outro lado o MP diz q a venda desses 3 imóveis foram vendas fictícias. Como se pode vender um imóvel ficticiamente?
.
Este jornalismo é muito fraquinho. O que o MP diz não é que são vendas fictícias, mas sim que o amigo Carlos comprou imóveis à mae do 44 por um valor superior ao valor de mercado.
.
Portanto, a fortuna da mãe não é o valor registado nas finanças, muito menos o valor tributavel q lá aparece, mas sim o valor constante nos registos prediais.
.
Só para ilustrar bem isto, dizer que tenho uma quota parte dum imóvel duma heranca nunca partilhada e que já conta com 70 herdeiros, imóvel esse com um valor de 4 mil euros nas financas que na realidade vale mais de 150 mil.
.
.
Rb

Braga disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Aníbal Duarte Corrécio disse...

Mesquita Machado nas autarquias, Sócrates nos governos centrais : símbolos deste regime de corruptos, oportunistas, arrivistas, que em nome da 'Liberdade, Igualdade, Fraternidade' destruíram o País.

Floribundus disse...

corja táo incrivelmente primária

lembro-me de um grito de espectáculo de feira
'quem não tem cabeça não paga nada'

'aquí no hay ninguna trampa'

Kaiser Soze disse...

Como se pode vender um imóvel ficticiamente?! Ahahaahaj

Portas e Travessas.sa disse...

O Sol? mas agora está de chuva - se isso é assim -não percebo que ande tantos justiceiros e não passa disso - ao fim de 20 anos o SOL e PRAIA e fica o Pestana Sol e Toiros.

O olhinhos vai ganhar 30 mil no Banco Novo...isso é trocados, não é verdade?


Zé da Adega

JC disse...

O que é muito fraquinho é o teu comentario Ricciardi.
Patético, até.

Portas e Travessas.sa disse...

Rb: não quero perder tempo consigo que nem sabe ler o que se escreve.

hajapachorra disse...

E a explicação é tão simples... o ps tem medo do Sócrates, muito medo. Se ele for pelo cano não vai sozinho. Por isso talvez se safe.

Adelino Ferreira disse...

A barraca que vai começar a abanar vai ser outra. Também já era tempo...

Floribundus disse...

o rectângulo tem governo para 62 anus com a poia parlamentar

vão mudar os nomes
à rua das Pretas
ao Arco do Cego

vão acabar os exames
de condução
de origem médica

sinto-me no paraíso

Maria disse...

Estes dois maraus, mais os restantes que fazem parte integrante da quadrilha ou seja, a maçonaria em peso, são tudo aquilo que o título do seu escrito sugere e muito mais. O satânico A. Santos é do mais malvado (só o Soares o supera em perfídia) que algum dia aterrou no Portugal europeu vindo de Moçambique, a instâncias do diabólico Soares, para ajudar a dar cabo de Portugal. Todos estes lacraus venenosos foram infectados por uma doença gravíssima e incurável adquirida através de um vírus que origina, por contágio, estragos inimagináveis em todos os que deles se aproximam, deixando-os amorfos e sem reacção possível e que dá pelo nome de a síndrome da mentira adquirida. Uma vez infectados por esta doença incurável, que a prazo provoca danos irreversíveis, tanto ou mais em todo aquele no qual o vírus foi inoculado do que nos que o transmitiram (estes tornaram-se-lhe imunes desde a primeira hora), não há qualquer hipótese de se salvarem. A partir daí é só esperar o pior da banda destes espécimes indignos. Como aliás temos vindo a constatar ao longo das últimas décadas.

BELIAL disse...

1 Manif da CGTP, com dezenas de cidadãos - é profícua.

Sempre se tiram os velhos dos bancos de jardim e o pó das bandeiras.

2 - A revelação de joãozinho sowinds (e outros nomes de pluma), escritor - assarapantou-me.

Está no OBSERVADOR.
Diz que é bué erótico.
É a CUltura, estúpido!

BELIAL disse...

AT, atrás dos al capones - só quando estão na mó de baixo...

Até lá, fica-se.
E deixa-os pusar...

Karocha disse...

E qual é a barraca Adelino Ferreira ???

Maria disse...

Adelino Ferreira, faço-lhe a mesma pergunta de Karocha. Isto, porque ela é não só oportuna mas também premente. Antecipadamente agradecida.

Karocha disse...

Uma pergunta pertinente Maria.

Adelino Ferreira disse...

Karocha e Maria, ao passar neste post por acaso, apercebi - me através do pedido daquela senhora que em pequena meteu os pés no Rio Trancão e por isso ficou assim...
O que pretendo dizer é o seguinte:
Após o 25, ora abana uma barraca ora abana outra...
Cumprimentos e as minhas desculpas pela resposta tardia.

Karocha disse...

Resposta muito evasiva...Adelino Ferreira